Esqueça o príncipe, agarre o Lobo Mau

Esqueça o príncipe agarre o Lobo Mau

Foto/Reprodução Daily Mail

Está cansada de procurar pelo príncipe encantado que irá te resgatar dessa vidinha sem sal? Não perca mais o seu tempo! Que tal deixar o príncipe de lado e ir atrás do seu Lobo Mau? É o que sugere a apresentadora e jornalista Raquel Sánchez Silva. "Troco o Príncipe Encantado pelo Lobo Mau" (Editora Objetiva, primeira edição, 2011), título do primeiro livro da escritora espanhola.

A obra trata de maneira divertida as difíceis situações da vida amorosa e da busca por ela. Raquel alerta as mulheres para o fato de que apesar de termos conquistados nossa independência financeira, emotivamente ainda somos reféns de homens superprotetores. A autora usa exemplos simples e bem-humorados.

Para Raquel ainda alimentamos ideias ultrapassadas. As mulheres assumem o papel de princesas indefesas que esperam serem resgatadas pelo valente e apaixonado príncipe encantado, quando na verdade deveriam ir à luta e agarrar à unha um homem forte e decidido, um verdadeiro lobo mau.

Na obra, a autora dá uma dica: "Corte suas tranças, distribua maçãs envenenadas para adormecer a concorrência, fuja com o lobo e tome um bom banho de espuma com ele. Lembre-se: enquanto as princesas dormem, as bruxas voam".

Esqueça o príncipe agarre o Lobo Mau

Livro Troco o Príncipe Encantado pelo Lobo Mau. Foto/Divulgação

Já na introdução do livro, Raquel faz indagações capazes de tirar o sono de qualquer mulher. "Quem quer ser uma chata aos cuidados dos sete anões (mineiros e cantores) quando pode ser uma fashion gótica como a sua madrasta? Quem que ser obediente e chegar em casa antes da meia-noite? Quem gostaria de perder um lindo par de saltos correndo, sem elegância alguma atrás de uma abóbora ridícula conduzida por um bando de ratos?". Essas são apenas algumas questões levantadas pela autora na obra.

"Usei contos populares por ser uma linguagem comum, que homens e mulheres podem entender. Todos sabem do que estamos falando", afirma a autora. Raquel aborda ainda temas como as várias perfeições cobradas das mulheres, pelas próprias.


Ela cita como exemplo o padrão de beleza estampado em todas as revistas, desfilado em todas as passarelas e encenado em novelas e filmes. "Creio que este nível de exigência é inalcançável e, portanto pode causar muita dor e muitos traumas. E a única maneira de superar tudo isso acredito que seja rir de e com a mulher moderna. Rir de nós mesmas," ensina Raquel.

Por Bianca de Souza (MBPress)

Comente

 

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?

Últimas

Top Temas

relacionamentoseparaçãodivórciotraiçãociúmeamorcasapartoabortofesta infantilmoda infantilnamoro à distânciaencontrosnamoradanamoro virtualrelacionamento abertoenxoval de bebêdecoração de festa infantilcasamentocomo arrumar um namorado